Spread e TAEG crédito habitação 2018

Sabe que o crédito habitação com o spread mais baixo pode não ser o mais barato?

Este ano, os bancos têm novas regras para o crédito habitação:

  • Fim da TAE que é substituida pela TAEG, que serve melhor os interesses do consumidor para comparar as ofertas de crédito dos bancos.
  • Periodo de reflexão de 7 dias entre a proposta e a assinatura do contrato. É proibido assinar contrato antes dos 7 dias de reflexão.

  • A proposta contratual tem que ter validade mínima de 30 dias, e os bancos estão impedidos de agravar as condições do crédito neste prazo.
  • Os bancos são obrigados a disponibilizar a FINE-Ficha de informação normalizada europeia do crédito imobiliário.
  • Os fiadores recebem a minuta do contrato para analisarem, o que não acontecia até 2017.

Decreto-Lei 74-A/2017

Actualização spreads crédito habitação Maio 2018

A partir de 2018 deve dar mais atenção á TAEG do crédito habitação para comparar as condições de financiamento dos bancos, dado que o spread mais baixo, pode não ter a TAEG mais baixa. (veja como exemplo o Bankinter). Em Maio, não não houve alteração do spread.

O  SantanderTotta e o Bankinter continuam a ter os spreads mais baixos, mas na TAEG do crédito habitação, é o Banco CTT que acompanha de perto o SantanderTotta no financiamento imobiliário mais barato.

Spread e TAEG Crédito Habitação Maio 2018

 

 

Nota: Na comparação do crédito habitação, a taxa de spread apresentada, é a mais baixa oferecida pelo banco nesta data. Quando pedir o crédito, poderá não conseguir este spread, dadas as exigências particulares de cada banco para atribuir o spread mais baixo no credito habitação.

Os spreads actuais do credito habitação incluídos na tabela são actualizados regularmente, mas dadas as alterações constantes efectuadas pelos bancos, na altura de pedir o empréstimo, verifique sempre com o seu banco, a taxa de spread actualizada.

Na comparação  da taxa de spread, tenha sempre presente que para conseguir o spread mais baixo, terá que preencher algumas condições no seu empréstimo habitação.

Para conseguir o melhor spread, terá que aumentar o seu envolvimento como cliente do banco, subscrevendo o maior numero de produtos e serviços bancários que possa usar.

Credito habitação 100% financiamento 2018

São poucos os bancos que oferecem credito habitação com 100% de financiamento dos empréstimos para compra de casa.

As excepções são o credito habitação Novobanco, que oferece a possibilidade de comprar habitação própria com 100% do financiamento do valor do imóvel, e a CGD que financia a 100% o crédito habitação para compra de imovéis propriedade da Caixa Geral de Depósitos.

Actualização spreads crédito habitação Maio de 2017

Este mês temos ligeiras descidas no spread do Banco Popular, Deutsche  Bank e BPI.

A partir de agora, para além da taxa de spread, pode comparar a TAE (Taxa Anual Efectiva),  que tem em conta o prazo do empréstimo, e inclui encargos, comissões e impostos e a TAER (Taxa Anual Efectiva Revista) que reflete o custo efectivo do crédito habitação, quando é necessário subscrever produtos e/ou serviços adicionais do banco, para conseguir uma redução no spread do seu empréstimo.

Actualização spreads crédito habitação Abril de 2017

Este mês o SantanderTotta é o melhor banco para crédito habitação com spread  mais baixo de sempre de 1.15%.

Na guerra dos spreads em Portugal, espera-se uma ofensiva do Bankinter e de Abanca, que nos últimos meses, tiveram os spreads mais baixos do mercado.

Actualização spread e campanhas de crédito habitação Março de 2017

Este mês a generalidade dos bancos manteve a taxas de spread. Só o Banco Popular desceu o spread de 2,10% para 2,00%.

Estão  decorrer 3 campanhas de crédito habitação:

Campanha crédito habitação MillenniumBCP

Campanha credito habitação Bankinter, também para transferência de credito habitação

Campanha credito habitação Banco Popular com spread mais baixo para novos créditos e transferência de crédito habitação

Actualização das taxas de spread Fevereiro de 2017

Nova entrada do Banco CTT com um spread competitivo de 1,75%.

A única alteração deste mês, é a subida da taxa de spread do Montepio de 1.90% para 2,10 %. Os outros bancos mantiveram os spreads anteriores.

Actualização taxas de spread Janeiro de 2017

Na actualização das taxas de spread do inicio de 2017,  Abanca e o Bankinter continuam a oferecer os spreads mais baixos.

A generalidade dos bancos manteve as taxas relativamente a Dezembro, com o spread do Banco BIC a ficar mais competitivo após nova redução.

Actualização taxas de spread Dezembro 2016

Na actualização de Dezembro das taxas de spread bancário do credito habitação Abanca e o Bankinter continuam a oferecer os spreads mais baixos.

A generalidade dos bancos manteve as taxas relativamente a Outubro. As excepções foram, o Novo Banco que baixou a sua taxa de spread em 0.20%, o Montepio desceu 0.30% e o Banco BIC reduziu o spread em 0.65%.

Actualização taxas de spread Outubro 2016

As taxas de spread do credito habitação actualizadas em Outubro.

A partir deste mês, pode pode comparar o spread actual com o anterior, e identificar se os bancos reduziram ou aumentaram a taxa do spread bancário em Portugal.

Actualização das taxas de spread bancário em Agosto.

Com algumas excepções, a tendência descendente dos spreads bancários manteve-se em Agosto.

O Bankinter, Abanca e o SantanderTotta continuam a liderar com as taxas de spread mais baixas, e este mês, com o protocolo do Banco Popular e a Deco, e a campanha de crédito habitação que decorre até 30 de Setembro,  há mais oportunidades para conseguir  melhor crédito habitação.

O que é o spread bancário do credito habitação? Definição de spread.

O spread bancário, é a diferença entre a taxa de juros cobrada aos tomadores de crédito e a taxa de juros paga pelo banco dos empréstimos que pede ( p.ex. ao Banco Central Europeu) para financiar os clientes. A diferença entre os juros recebidos e os juros pagos, é o lucro do banco com os empréstimos para aquisição de habitação.